gototop

Capacitação

OBJETIVO GERAL

O objetivo do Programa é desenvolver e buscar através de parcerias, cursos, palestras, seminários e outras formas de ensino e capacitação para mobiliar o Sistema de Proteção e Defesa Civil do Distrito Federal – SIPDEC/DF, conforme preceitua o Decreto nº 34.513 de 11 de julho de 2013.

 

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Padronizar os procedimentos adotados pelos diversos órgãos do Sistema diante de situações de possíveis desastres ou emergências;

Facilitar a criação e o incremento de diretrizes operacionais de defesa civil a serem seguidas por todos os órgãos integrantes do SIPDEC;

Difundir a Doutrina de Defesa Civil entre os segmentos que integram o SIPDEC;

Estreitar os relacionamentos entre os diversos órgãos que compõem o Sistema;

Estabelecer, nos diversos órgãos, pontos focais de ligação para estudos e análises de situações de possíveis desastres com as mesmas características, sob diferentes óticas;

 

Finalidade

Aperfeiçoar as ações do Sistema de Proteção e Defesa Civil do Distrito Federal, as quais são operacionalizadas através de suas Coordenações, com o trabalho integrado e coordenado de um número cada vez maior de servidores e agentes da comunidade com capacitação específica.

 

Avaliação do Cenário

O direito natural à vida e à incolumidade foi formalmente reconhecido pela Constituição da República Federativa do Brasil. Compete à Defesa Civil a garantia desse direito, em circunstâncias de desastres.

O objetivo geral da Defesa Civil é a redução dos desastres, através da diminuição das ocorrências e da intensidade dos mesmos.

 

As ações de redução de desastres abrangem os seguintes aspectos globais:

Prevenção dos desastres;

Preparação para emergências e desastres;

Resposta aos desastres;

Reconstrução.

 

Os objetivos específicos da Defesa Civil são:

Promover a defesa permanente contra desastres naturais ou provocados pelo homem;

Prevenir ou minimizar danos, socorrer e assistir populações atingidas, reabilitar e recuperar áreas deterioradas por desastres; e

Atuar na iminência ou em situações de desastres.

O Sistema de Proteção e Defesa Civil do Distrito Federal é composto de um conjunto de órgãos, cujos agentes responsáveis pela execução das atividades de defesa civil se organizam como o próprio nome já diz, sob a forma de um Sistema.

 

Este Sistema é constituído basicamente por dois tipos de Agentes:

 Agentes Centrais:

Governador do Distrito Federal - Agente Tomador de Decisões;

Secretário de Estado da Segurança Pública - Agente Diretor e Coordenador Geral;

Subsecretário de Proteção e Defesa Civil - Coordenador Executivo, que é o Agente Executor Central.

 

Agentes Executores Descentralizados:

Na Administração Direta:

As Secretarias de Estado.

 

Na Administração Direta Descentralizada:

Órgãos regionais, onde estão inseridos as Administrações, e os órgãos relativamente autônomos das Secretarias de Estado.

 

Na Administração Indireta e Fundações:

São as empresas e entidades vinculadas às Secretarias de Estado.

Outros órgãos e entidades alheias ao GDF podem integrar o Sistema, desde que estejam relacionados nos planos específicos de defesa civil, como as instituições religiosas, clubes de serviços, associações de classe, empresas públicas, privadas ou de economia mista em geral, além de outros diretamente ligados às questões de defesa civil no âmbito das Regiões Administrativas.

 

Os assuntos relativos ao Sistema de Proteção e Defesa Civil gozarão de prioridade absoluta e serão tratados em regime de urgência, além de os serviços prestados à Defesa Civil serem considerados de natureza relevantes.

 

 

 

Objetivo Geral

O objetivo do Programa é desenvolver e buscar através de parcerias, cursos, palestras, seminários e outras formas de ensino e capacitação para mobiliar o Sistema de Proteção e Defesa Civil do Distrito Federal – SIPDEC/DF, conforme preceitua o Decreto nº 34.513 de 11 de julho de 2013.

 

Objetivos Específicos

Padronizar os procedimentos adotados pelos diversos órgãos do Sistema diante de situações de possíveis desastres ou emergências;

Facilitar a criação e o incremento de diretrizes operacionais de defesa civil a serem seguidas por todos os órgãos integrantes do SIPDEC;

Difundir a Doutrina de Defesa Civil entre os segmentos que integram o SIPDEC;

Estreitar os relacionamentos entre os diversos órgãos que compõem o Sistema;

Estabelecer, nos diversos órgãos, pontos focais de ligação para estudos e análises de situações de possíveis desastres com as mesmas características, sob diferentes óticas;

 

Finalidade

Aperfeiçoar as ações do Sistema de Proteção e Defesa Civil do Distrito Federal, as quais são operacionalizadas através de suas Coordenações, com o trabalho integrado e coordenado de um número cada vez maior de servidores e agentes da comunidade com capacitação específica.

 

Avaliação do Cenário

O direito natural à vida e à incolumidade foi formalmente reconhecido pela Constituição da República Federativa do Brasil. Compete à Defesa Civil a garantia desse direito, em circunstâncias de desastres.

O objetivo geral da Defesa Civil é a redução dos desastres, através da diminuição das ocorrências e da intensidade dos mesmos.

 

As ações de redução de desastres abrangem os seguintes aspectos globais:

Prevenção dos desastres;

Preparação para emergências e desastres;

Resposta aos desastres;

Reconstrução.

 

Os objetivos específicos da Defesa Civil são:

Promover a defesa permanente contra desastres naturais ou provocados pelo homem;

Prevenir ou minimizar danos, socorrer e assistir populações atingidas, reabilitar e recuperar áreas deterioradas por desastres; e

Atuar na iminência ou em situações de desastres.

O Sistema de Proteção e Defesa Civil do Distrito Federal é composto de um conjunto de órgãos, cujos agentes responsáveis pela execução das atividades de defesa civil se organizam como o próprio nome já diz, sob a forma de um Sistema.

 

Este Sistema é constituído basicamente por dois tipos de Agentes:

 

Agentes Centrais:

Governador do Distrito Federal - Agente Tomador de Decisões;

Secretário de Estado da Segurança Pública - Agente Diretor e Coordenador Geral;

Subsecretário de Proteção e Defesa Civil - Coordenador Executivo, que é o Agente Executor Central.

 

Agentes Executores Descentralizados:

Na Administração Direta:

As Secretarias de Estado.

 

Na Administração Direta Descentralizada:

Órgãos regionais, onde estão inseridos as Administrações, e os órgãos relativamente autônomos das Secretarias de Estado.

 

Na Administração Indireta e Fundações:

São as empresas e entidades vinculadas às Secretarias de Estado.

Outros órgãos e entidades alheias ao GDF podem integrar o Sistema, desde que estejam relacionados nos planos específicos de defesa civil, como as instituições religiosas, clubes de serviços, associações de classe, empresas públicas, privadas ou de economia mista em geral, além de outros diretamente ligados às questões de defesa civil no âmbito das Regiões Administrativas.

Os assuntos relativos ao Sistema de Proteção e Defesa Civil gozarão de prioridade absoluta e serão tratados em regime de urgência, além de os serviços prestados à Defesa Civil serem considerados de natureza relevantes.

 
BANNERS SECRETARIAS SEM SLOGAN 241X80-08

rle - registro e licenciamento de empresas 01a

ORIENTAÇÕES PARA AUTORIZAÇÃO DE FUNCIONAMENTO DE ATIVIDADES ECONÔMICAS

 

economize agua c

DICAS DE USO CONSCIENTE DA ÁGUA

VOCÊ EST? AQUI: Início Defesa Civil Capacitação